Cervejas Refrescantes: Sommelier Indica 10 Rótulos para o Verão

Cervejas Refrescantes: Sommelier Indica 10 Rótulos para o Verão

Creator Image
Luís Celso Jr.
Bar do Celso
  • PILSNER URQUELL
    Pilsner Urquell


    Luís Celso Jr.

    A cerveja Pilsner Urquell é nada menos do que a primeira Pilsen do mundo, criada em 1842, na cidade de Pilsen (Plzeň), na República Checa. Ela fundou esse estilo, sendo a primeira cerveja clara, dourada, brilhante, lançando um padrão que muitos conheceriam como cerveja daí pra frente. Urquell significa original, em checo.

    Além do seu valor histórico, é muito refrescante e tem um perfil relativamente conhecido – ela foi a inspiração para a criação das cervejas mainstream de hoje, versões muito, muito suavizadas em relação à Pilsen original.

    O aroma e o sabor lembram cascas de pão, um toque de biscoito, com notas do lúpulo herbáceo e condimentado. O amargor e o corpo são médios, com aftertaste tendendo a seco e bastante aromático!
  • BROUWERIJ DUVEL MOOTGAT
    Vedett Extra White


    Luís Celso Jr.

    Cervejas do estilo Witbier são cervejas de trigo de tradição belga. São diferentes das Weizenbier ou Weissbiers - que são as de tradição alemã e as mais conhecidas por aqui - em quase tudo. 

    Em comum mesmo, só o fato de serem feitas com maltes de trigo, além da tradução do nome: Witbier significa cerveja branca em flamenco, a língua do norte da Bélgica; e Weissbier também significa o mesmo, só que vem do alemão.

    As Witbiers são super refrescantes e levam cascas de laranja e sementes de coentro na receita. A Vedett é uma das mais refrescantes que há, com cor amarela, turva, aroma e sabor cítrico bem destacado e suave condimentado no aftertaste. Uma delícia!
  • FULLER`S
    Fuller's London Pride


    Luís Celso Jr.

    Para ser refrescante, uma cerveja não precisa necessariamente ser clarinha. A Fuller’s London Pride tem uma cor âmbar linda, assim como uma boa parcela das cervejas inglesas. Ela pertence ao estilo Special Bitter, um dos primeiros a utilizar maltes mais claros na Europa, ainda no século 7 – antes da Pilsen.

    O que sempre me agrada muito nela é o equilíbrio. Ela é uma cerveja elegante. Tem amargor médio, dulçor baixo, com aromas e sabores que lembram um toque de laranja, mas principalmente amêndoas, caramelo e biscoito. Em segundo plano, características herbáceas e terrosas típicas dos lúpulos ingleses. O corpo é médio e o final levemente adocicado para equilibrar o amargor.

    Uma cerveja inglesa tão clássica quanto o próprio Big Ben.
  • BREWDOG
    Brewdog Punk IPA


    Luís Celso Jr.

    Uma das coisas mais interessantes dos estilos de cerveja dos Estados Unidos são as características frutadas, cítricas e resinosas dos lúpulos norte-americanos. A Brewdog, apesar de ser uma cervejaria escocesa, segue bastante essa linha, fazendo ótimas cervejas lupuladas.

    A Brewdog começou quando James Watt, Martin Dickie e o cachorro de estimação, Bracken, começaram a fazer cerveja em casa. As produções faziam muito sucesso entre os amigos, e os sócios decidiram montar uma cervejaria de verdade, em 2007.

    A Punk IPA foi a primeira cerveja feita pelos sócios. Trata-se de uma American IPA refrescante e fácil de beber. Esse é um estilo bem amargo, mas esse rótulo equilibra muito bem essa característica com suave dulçor e características frutadas cítricas dos lúpulos, como maracujá, laranja e toranja. O corpo é médio-leve com final seco.
  • CERVEJARIA BLUMENAU
    Blumenau Ipê Amarelo


    Luís Celso Jr.

    As Hoppy Lager estão entre as minhas favoritas para os dias quentes. Toda a leveza, suavidade e refrescância de uma cerveja de baixa fermentação com os aromas frutados, cítricos ou resinosos dos lúpulos norte-americanos. Uma combinação deliciosa!

    Muito legal também para quem tem mais resistência ao gosto amargo das IPAs, já que o estilo traz normalmente um amargor baixo.

    A Blumenau Ipê Amarelo tem cor dourada, é brilhante e com ótima espuma. No aroma, lembra laranja, limão, com um toque de mamão e um toque herbal de maneira mais intensa, além de traços de grãos e cascas de pão. Na boca, amargor médio-baixo, corpo leve e final seco. Uma cerveja para beber de litros.
  • CERVEJARIA THREE MONKEYS
    Three Monkeys I'm Sour


    Luís Celso Jr.

    Podemos chamar de Sour um grande grupo de cervejas que têm em comum a elevada acidez. Nesse sentido, valem desde estilos clássicos, como as Lambics belgas e Berliner Weisses alemãs, até as modernas American Sour Ales, com ou sem frutas na receita. Hoje estamos vendo um grande aumento na produção dessas cervejas. Podemos até dizer que Sour está na moda.

    No caso da Three Monkeys I’m Sour, a acidez elevada e o final seco trazem uma grande sensação de refrescância que é complementada pelo aroma e sabor de goiaba. A receita também traz a adição de pitaya, que dá uma cor vermelha vibrante para a cerveja. O corpo é leve e o final é seco. Uma delícia!
  • MORADA CIA ETILÍCA
    Morada Hop Arabica


    Luís Celso Jr.

    Café para trabalhar e cerveja para relaxar, é o que dizem. E se você pudesse misturar os dois? A Morada Cia Etílica, em parceria com o Lucca Cafés Especiais, ambas empresas de Curitiba, criaram a Hop Arabica, uma deliciosa e refrescante cerveja do estilo American Blond Ale com café.

    Ela é diferente porque, primeiro, é clara. Normalmente, as cervejas com café são feitas com maltes escuros. Outra peculiaridade é a torra baixa do café especial da Fazenda Sertão do Carmo, de Minas. Isso traz um aroma e um sabor quase como o café-fruta, complexo e delicioso. 

    Se você gosta de café tanto quanto eu, vai adorar a Hop Arabica!
  • UX BREW
    UX Brew Pure Gravity


    Luís Celso Jr.

    As cervejas do estilo New England IPA, também conhecido como Juicy IPA ou Hazy IPA, são uma tendência muito forte no mercado mundial de cervejas artesanais. Menos amargas que as American IPAs, muito aromáticas e frutadas, com aparência turva e corpo elevado, agradam o paladar até de quem não conhece muito do assunto.

    Aliás, é impressionante a capacidade do estilo IPA de se renovar constantemente. Nascido na Inglaterra no século 18, foi retomado pelos americanos a partir dos anos 1970 e, desde então, ganhou inúmeras variações.

    A UX Brew Pure Gravity tem cor dourada, turva, com ótima espuma, traz um festival de aromas frutados e bem destacados: principalmente manga, abacaxi, pêssego, uvas verdes, grapefruit e limão. Na boca, o amargor e o corpo são altos, trazendo textura macia e suculenta.
  • CERVEJARIA EVERBREW
    Everbrew Enjoy The Balance


    Luís Celso Jr.

    A variedade das próprias cervejas do estilo New England (NE) impressiona também. De acordo com seu teor alcoólico e amargor, podem ser caracterizadas como New England Pale Ale, IPA ou Double IPA.

    A Enjoy The Balance é uma NE Pale Ale extremamente bem equilibrada, feita por umas das cervejarias mais especializadas nessa vertente de IPA, a Everbrew, de Santos (SP).

    Dourada e turva, tem perfil tropical intenso com mamão papaia, melão, pêssego, manga e suave toque de laranja. O amargor médio é acompanhado de um dulçor médio-baixo, que ficam bem equilibrados, com corpo médio e final também equilibrado do amargor com leve dulçor.
  • CERVEJARIA BODEBROWN
    Bodebrown Brut Sour Blanc


    Luís Celso Jr.

    Quem gosta de acompanhar as tendências do mercado de cervejas artesanais também sabe que sempre há novidades a serem exploradas. Cervejas em madeira já foram uma delas, assim como hoje são as Sours. Outra tendência europeia que vem chegando por aqui é a das Italian Grape Ales, cervejas feitas substituindo uma boa parte do malte por suco de uva. 

    Esse mosto, que é o nome desse “sucão” antes de virar cerveja, fermenta então como num processo normal. Mas o resultado é um híbrido entre cerveja e vinho muito saboroso e refrescante!

    A Brut Sour Blanc é um rótulo muito banca da aclamada Bodebrown, de Curitiba (PR). Além de passar por esse processo com as uvas brancas, ainda é acidificada, ou seja, é uma Sour. Também é bastante carbonatada e seca, ficando com um aspecto semelhante a um espumante.

favlists de Luís Celso Jr.

Estilos de Cerveja: 10 dos Principais que Você Precisa Conhecer
Estilos de Cerveja: 10 dos Principais que Você Precisa Conhecer
Creator Image
Luís Celso Jr.
Bar do Celso